DOK-01-RK0677-01P

Rotina pediátrica – a primeira consulta do seu animalzinho

A primeira visita do paciente ao veterinário, também conhecida como rotina pediátrica, corresponde à consulta mais importante da vida do animal de estimação. Nesta avaliação são passadas todas as orientações necessárias para um bom manejo do filhote, bem como informações sobre alimentação adequada, controle de ectoparasitos (pulgas e carrapatos), vermifugação, protocolo de vacinação adequado, doenças mais freqüentes para a raça, castração, dentre muitas orientações que serão úteis por toda a vida do pet.

Recomenda-se que todo animal ao ser adquirido deve ser avaliado pelo Médico Veterinário a fim de avaliar seu estado de saúde. Muitos filhotes chegam aos proprietários com alta infestação por vermes e ectoparasitos; problemas de pele; desnutrição e com a doença transmitida pelo carrapato (hemoparasitose). O diagnóstico precoce permite o tratamento adequado e evita o agravamento da enfermidade. Com os protocolos de vacinação mais atuais já existem vacinas que podem iniciar a imunização do cão aos 30 dias de vida contra cinomose e parvovirose, desde que o animal esteja saudável e esteja liberado pelo médico veterinário. Felinos iniciam a vacinação mais tardiamente, em torno dos 2 meses de vida, porém a avaliação do animal com menos idade é igualmente importante.

Embora seja mais comum que esta prática ocorra para os cães, os gatos devem ser igualmente avaliados quando filhotes. Estima-se que para cada 10 filhotes atendidos apenas 1 seja um filhote de gato, o que confirma que a prática de realização desta avaliação com o felino deve ser cada vez mais encorajada e freqüente.

Por se tratar de uma consulta tão importante, esta não pode ser negligenciada; pois a vacinação atrasada ou incompleta do animal de estimação é extremamente perigosa, uma vez que o primeiro ano de vida é crítico para contaminação por doenças virais, que podem matar o filhote.

O primeiro passo de cuidado com o pet é a prevenção, onde boa parte das doenças podem ser evitadas. Prevenir é um ato de amor.

 

Drª Juliana de Abreu Pereira

CRMV-RJ 10539

0 respostas

Deixe uma resposta

Quer participar da discussão?
Fique a vontade para contribuir!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *